Sábado, 25 de Fevereiro de 2006

Heart

this is my church.jpg

Apetecia-me caber na curva do teu corpo...naquele arco vazio.

A arca vazia que é o teu peito.

Agarrar-me à tua camisa como alguém que se está a afogar e molhar-te com as minhas lágrimas.Tudo isso me cansa,as àrvores morrem.

Tudo isso me parecem cinzas e se desfaz,dentro de olhos vermelhos.

Há coisas que se andam a descontrolar em mim,pensamentos que crescem e mudam sem o meu querer.Comem a minha alma como animais.
Tento adormecer-me,tento acalmá-los com sacrificios e rituais mas não consigo.
A minha carne e o meu sangue não lhes matam nem a sede nem a fome.Tentam destruir e distorcer o que criei...

Há alturas em que penso realmente que estou a enlouquecer.

Tudo é muito calmo.Penso na divindade e na trascendência,no caminho e no labirinto.No Diamante...
E em todos estes símbolos que fazem parte da minha linguagem incompreensível.
Penso nos caules verdes e musculosos das rosas,nos espinhos aguçados mas nunca nas pétalas...a sua suavidade só a consigo imaginar,embora lhes sinta o cheiro.Eu vivo realmente onde ninguém me pode ter.

Todos olham mas ninguém me vê,todos desejam,todos desprezam...de olhos vítreos e cegos.

Almas mutiladas como a minha.Sim eu também olho mas não vejo,eu também desejo e desprezo,eu também sinto fome e cerro os dentes.Chiam como a máquina...
Foi a máquina que nos fez isto...e nós deixámos.
Seríamos assim tão inocentes?Éramos...sim,ainda me lembro.

Perco-me no teu silêncio...que tornei meu.

Gostava de agarrar as minhas ideias como filhos e juntá-las muito a mim.Sinto-as agarrarem-se às minhas ancas e ao meu peito...quase lhes sinto o peso mas os meus braços continuam vazios.O amor fica por uns segundos e o meu corpo treme...
É incrível ver renascer realidades que tinhamos morto.Acordam como se nada se tivesse passado esfregam os olhos e sorriem com o meu espanto.

Sonhos,pesadelos tudo acorda e discorda em mim.Estou perdida...

Quem me dera que o céu se enchesse de nuvens e vento...queria tempestade e trovão.Queria chuva para me lavar a alma e barulho para afogar as vozes que ouço.
A guerra dos Deuses...Não quero ir dormir.

Estou farta daquelas lágrimas abafadas.De cair na escuridão outra vez.

Não há fim para isto...Esta é a luta.

Aware
publicado por aware às 02:51
| comentar
|
3 comentários:
De a 27 de Fevereiro de 2006 às 01:05
Só o Amor é solução...*samuel
(http://www.samuelcoelho.blogspot.com)
(mailto:unklesamuel@hotmail.com)
De a 26 de Fevereiro de 2006 às 11:57
Este teu texto não é de desespero mas de reencontro com o mais profundo de ti se isso é possível Tenho estado ausente mas quando aqui venho sinto-me tantas vezes ao espelho! BeijoMaria Papoila
(http://www.apapoila.blogs.sapo.pt)
(mailto:msantosilva@sapo.pt)
De a 25 de Fevereiro de 2006 às 07:23
Que poética aware:) Só não concordo na parte em que falas de estares perdida.. não será antes a grandiosidade de sentires a vida, os sonhos, os sentimentos de uma forma mais ousada tentando ao mesmo tempo interpretá-los.. dando-lhes sentidos, procurando perceber porquê.. quando na verdade.. o que escreves já é por si só, uma prova de que te conheces muito bem e de que as tuas palavras encantadas são fonte de vida!
Sempre bom ler o que escreves, percebo agora o tempo da escrita, eheh:)
Beijos****Ser-se em Palavras
(http://www.longtakk.blogs.sapo.pt)
(mailto:golden_sky_@hotmail.com)

Dezembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
Hit Counter

...recent dreams

Home

The gates

sidartha

Burnt Wings

Ouro

Sleepwalker

Red

Luz e solidão.

Art of Peace

golden brown

...other dreams

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

...other dreamers

...other dreams

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

...other dreamers