Sábado, 23 de Julho de 2005

Fifty ways to leave your lover...

window.jpg


Porque nos refugiamos nos sonhos sonhos?

Tudo o resto é tão imperfeito...que a perfeição até pareceria uma mentira se nós não fossemos tão estupidamente reais.

A doçura,a doçura...

Os pensamentos como animais selvagens atrás de grades,enjaulados em movimentos maquinais,circuitos fechados.
O movimento perpétuo num corpo parado.Não se pode viver...não se pode morrer.
Os olhos...os pensamentos para lá deles.Quebrados.

E depois a liberdade...parece uma nudez subita.Quase mentira...
Muito medo,todos os espaços parecem grandes de mais,desprotegidos...há luz a mais.
Um despropósito de vida,sem direcções.

Tudo invertido...espaços infinitos.Possibilidades e caminhos ilimitados...aquele chão familiar aquela recta e o percurso de ida e volta...tão absurdos agora.
A minha pele ainda cheira aquela prisão.

Aparece-me um 'tenho de'...tenho de ir,Ir....Ir....


publicado por aware às 02:07
| comentar
|

Dezembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
Hit Counter

...recent dreams

Home

The gates

sidartha

Burnt Wings

Ouro

Sleepwalker

Red

Luz e solidão.

Art of Peace

golden brown

...other dreams

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

...other dreamers

...other dreams

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

...other dreamers