Terça-feira, 25 de Julho de 2006

...the return to Innocence



Uma tarde calma, revisitada por muitas memórias...um conforto raro.

Os pés descalços na terra quente, o cheiro da liberdade na pele, as andorinhas pairam na brisa fresca e o dia morre devagar, num tempo que parece só meu outra vez ...como no principio.
Penso no ultimo tema de todas as minhas conversas interiores.

O  Perdão.

Lembro-me que o meu caminho foi sempre marcado pela sua presença indelével, tão invisível como poderosa.
Apareceu-me pela primeira vez, invertido.
Uma perfeita definição da sua ausência...Não perdoar alguém é mantê-lo cativo do sofrimento.
Agito suavemente o negativo da  fotografia e começo a ver uma imagem a aparecer de dentro da escuridão líquida...uma revelação.

Se isso é de facto verdade o perdão só pode ser uma libertação.

If you love someone set them free...finalmente consigo compreender o que isso significa, é um apelo ao perdão, sem ele é impossivel viver livre.
As pessoas mais importantes são aquelas que nos conseguem libertar daquilo que é inevitável e impossivel de esquecer...os nossos próprios erros e defeitos. É por  isso que o amor é um alívio, uma libertação da condição humana!

O cativeiro não serve outro propósito senão o de chegar a esta mesma conclusão.

Um ano depois sou uma pessoa completamente diferente daquela que imprimiu as primeira pegadas neste sítio...e é verdade que elas não se apagaram.

Eu estou aqui...eu fico aqui.

Neste caminho tantas vezes louco e tão fértil...tantas vezes impaciente mas sempre verdadeiro. Agradeço a quem o saboreou e lhe acrescentou o tão desejado sal.

Este continua a ser o meu caminho. Continua a ser um bom caminho...

"Love Devotion Feeling  Emotion

Don't be afraid to be weak
Don't be too proud to be strong
Just look into your heart my friend
That will be the return to yourself
The return to innocence "
Enigma

"O fraco nunca perdoa, perdoar é característica do forte"  Ghandi


Também eu ficarei forte com o tempo...agora já sei o caminho.

Aware
publicado por aware às 19:41
| comentar
|
4 comentários:
De Maria Papoila a 26 de Julho de 2006 às 17:12
Minha querida a espiral vai guiar-te.
Texto lindíssimo, como sempre as emoções descritas de modo sublime.
Beijo
De Zalinha a 26 de Julho de 2006 às 20:40
Olá!!!Peço desculpa por ter entrado sem bater, mas não vou sair no mesmo silencio em que entrei, vou deixar a marca da minha presença neste espaço em cujos recantos me perdi através da leitura:) gostei muito do que aqui pude ler, tens uma forma magnifica de te expressares :) parabéns !!! And i be back ;)
De Cátia a 28 de Julho de 2006 às 14:07
O Perdão. Tão difícil de alcançar, mais ainda de o dar a alguém. E é tão difícil perdoar aqueles que amamos e nos magoaram...no entanto, é necessário. Porque os amamos.

Sinto-me feliz por ter descoberto este teu lugar tão 'teu'. É diferente de todos os outros, é único, é próprio. Espero que continues aqui por muito mais tempo...Eu vou acompanhando-te, com a minha tão pequenina contribuição.

Beijinho
De MoonLight a 30 de Julho de 2006 às 10:37
Crescer interiormente é tarefa árdua e dura! Mas que aos poucos vai trazendo as suas recompensas, desde que estejamos disponíveis para tal. Bjs de Luz

Dezembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
Hit Counter

...recent dreams

Home

The gates

sidartha

Burnt Wings

Ouro

Sleepwalker

Red

Luz e solidão.

Art of Peace

golden brown

...other dreams

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

...other dreamers

...other dreams

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

...other dreamers