Quarta-feira, 25 de Janeiro de 2006

Não...não....não,não,não...

ahhhhhhhhhhhhhh!.jpg

Tudo é tão triste...

Sinto-me tão ridícula,sinto-me tão zangada.

Tão sozinha.

Nadamos todos num mar de corpos que se afogam...naquilo que não tem nome.O sofrimento,a loucura,o suor frio a escuridão liquida.

O horror...

...a calma!

O sofrimento não tem limites dentro do meu corpo...é o meu sangue.E o meu sangue ferve esta noite,o meu sofrimento uiva e ecoa no silêncio.Arde.
Lembro-me que ontem e na noite anterior...e na noite anterior,chorei até adormecer.Um dia vou gritar até adormecer,vou perder-me.

Vou morrer a gritar o teu nome.

Onde quer que estejas!Maldito sejas!!!

Aware
publicado por aware às 01:26
| comentar
|
2 comentários:
De a 26 de Janeiro de 2006 às 18:04
Grita!!! Deita tudo cá para fora!Samuel
(http://www.samuelcoelho.blogspot.com)
(mailto:unklesamuel@hotmail.com)
De a 25 de Janeiro de 2006 às 13:05
força para ti! ás vezes tb choro, mas pelo vazio que sinto, por ter saudades da pessoa que Amo....beijos e as melhoras!nuno medon
</a>
(mailto:nuno_medon@portugalmail.pt)